Faça seu contrato personalizado agora mesmo!

Entenda como funciona o Seguro Fiança Locatícia

O que é seguro fiança locatícia e como ele funciona, veja agora tudo o que você precisa saber sobre o assunto

Saiba como ter segurança na hora de alugar um imóvel, principalmente em relação aos pagamentos. Veja quais são as vantagens e desvantagens do seguro fiança locatícia.

O que é seguro fiança locatícia?

O seguro fiança locatícia é uma forma de garantia usada por pessoas que querem alugar um imóvel. Por ser uma das formas de assegurar os pagamentos dos aluguéis, esse tipo d garantia pode substituir o caução ou o fiador, por exemplo.

Se você quiser saber mais sobre outros tipos de garantias de imóvel além dessas, clique aqui.

As formas que essa garantia pode funcionar podem depender de cada contrato. Ele pode durar por todo o período que o imóvel será alugado, na maior parte das vezes, é necessário realizar a renovação deste contrato para que não dê nenhum tipo de problemas a longo prazo.

O seguro fiança locatícia é semelhante a outros tipos de seguro, como os seguros residenciais ou de veículos. Mas há uma diferença: embora seja a pessoa que está alugando o imóvel que contrata o seguro, é o proprietário que recebe as indenizações correspondentes.

O seguro também cobre questões como valor do aluguel ou valores de condomínio. Além disso, se for da preferência do contratante, podem ser adicionadas outras coberturas relacionadas ao pagamento de  impostos, contas de luz e água, taxas jurídicas em ações de despejo, etc.

Como funciona seguro fiança locatícia

 O seguro de fiança locatícia substitui o fiador e garante ao proprietário do imóvel o recebimento dos aluguéis e outras taxas e valores caso não sejam pagos pelo inquilino. Este, por sua vez, recebe mais facilidade e rapidez na hora da aprovação da sua proposta de aluguel.

A utilização do seguro fiança locatícia pode ser solicitada pelo proprietário do imóvel quando necessário. O serviço de cobertura pode ser acionado a partir do primeiro dia de atraso do aluguel. 

Se isso acontecer, a seguradora o indenizará, pagando o valor total do aluguel atrasado devido pelo inquilino. Se por acaso a situação não for resolvida, a própria seguradora pode entrar com ação de despejo para remover o inquilino do imóvel, conforme a Lei do Inquilinato.

Quais são as vantagens do seguro fiança?

A principal vantagem desse serviço para o inquilino é o fato dele não precisar de um fiador. Afinal, esse costuma ser um problema na hora de alugar um imóvel, pois pedir para que outra pessoa se responsabilize caso os pagamentos dos aluguéis não sejam feitos, pode ser algo bem constrangedor.

O proprietário do imóvel também tem suas vantagens ao utilizar esse serviço. A segurança em relação ao pagamento é uma das maiores, já que, caso o fiador também não possa arcar com os pagamentos devidos pelo inquilino, o caso teria que ser levado à justiça.

Já com o seguro fiança locatícia, tudo é resolvido diretamente com a seguradora. É a empresa que fica responsável por ressarcir o valor ao proprietário e resolver as questões judiciais com o inquilino devedor.

Outro aspecto positivo para o proprietário é a diminuição da burocracia, o que torna o processo de aluguel mais rápido, evitando que o imóvel fique muito tempo parado sem gerar renda. 

Isso porque é a empresa que fica responsável por avaliar o histórico financeiro dos interessados em alugar o imóvel e por resolver toda a “papelada” relacionada à garantia.

Quais são as desvantagens?

O seguro fiança locatícia apresenta algumas desvantagens para o inquilino. Uma delas é que o valor pago pela contratação do seguro não é devolvido. Isso acontece porque a contratação do seguro funciona como se a empresa fizesse o papel de fiador no contrato de aluguel. 

Outro ponto negativo é que dependendo da análise feita pela seguradora ela pode não aprovar os documentos do inquilino. Assim como acontece com as imobiliárias, as seguradoras também realizam uma avaliação da renda, o que pode ser um problema para autônomos que não possuem uma renda fixa.

Outro ponto muito importante, é que o inquilino saiba o seguro não vai cobrir toda a vigência do contrato de aluguel. É necessário renovar o serviço anualmente, ou seja, fazer o pagamento da apólice novamente para continuar com a cobertura a cada ano de contrato de aluguel.

Quanto custa seguro fiança locatícia?

O valor que deverá ser pago para realizar um seguro fiança locatícia pode depender das taxas oferecidas por cada seguradora e também do plano de cobertura escolhido pelo contratante. 

Este processo deve ser realizado pelo proprietário do imóvel, pois, geralmente, é ele quem decide as opções de cobertura e então as apresenta para a imobiliária e os possíveis inquilinos.

Dependendo do que for decidido pelo proprietário, o valor anual costuma variar de uma a duas vezes o preço do aluguel mensal. Em algumas seguradoras, é possível somar o valor total e realizar o parcelamento para o inquilino pagar nos meses da duração do contrato de aluguel.

A modalidade de garantia do seguro fiança locatícia vem se tornando cada vez mais popular entre os locadores em razão da rapidez do pagamento e também no caso do inquilino não cumprir o que foi combinado. No entanto, acaba pesando no bolso do inquilino, pois torna as prestações do aluguel mais caras.

O seguro-fiança custa em média 130% do valor de um aluguel mensal. Em um contrato de R$1.000 mensais, por exemplo, o valor do seguro seria R$1.300,00.

Caso a seguradora permita o parcelamento em até 12x, o valor mensal referente apenas ao seguro seria de R$ 108,33.

Somado ao valor do aluguel, o inquilino pagaria então mensalmente R$ 1.108,33.

Como fazer seguro fiança locatícia?

Quando o proprietário e o inquilino do imóvel decidem realizar o contrato do seguro fiança locatícia, basta procurar a seguradora e apresentar os documentos necessários.  Normalmente, a documentação que deve ser apresentada pelo inquilino são:

  • Documento com foto (RG/CNH) e CPF
  • Declaração de Renda
  • Cópia da declaração de imposto de renda
  • Declaração de Residência

 

A importância do contrato de aluguel

O contrato de aluguel é muito importante para a negociação entre inquilino e proprietário, pois ele define termos cruciais para o acordo entre as partes. Como, por exemplo, os direitos e deveres de cada um, além de evitar diversos problemas a longo prazo com as questões contratuais.

Fazer um contrato também pode ser considerado uma garantia, pois ele pode traz a segurança jurídica necessária e te ajuda a ficar longe de problemas. Por isso, aí vai uma dica para você: o contrato de aluguel da Lexly!

Ao escolher a Lexly, você não terá apenas um contrato personalizado e juridicamente seguro, nosso serviço inclui documentos adicionais que você vai precisar durante o período de locação, como recibos de pagamento e de vistoria totalmente gratuitos.

Quer saber mais? Dê uma olhada no nosso contrato clicando aqui

Lexly, a lei ao seu alcance!

Artigos Relacionados

Contrato de Aluguel Residencial

Nunca foi tão fácil fazer seu contrato de aluguel residencial. Você responde nossa entrevista virtual e em menos de 5 minutos nossa plataforma cria um contrato personalizado para você! Se tiver dúvidas, estamos a disposição no nosso WHATSAPP (11) 4040-8991

100 Reais

Preço inclui seu contrato personalizado + acesso ilimitado a nossa equipe de especialistas.

Quero Fazer
Você só paga no último passo